fevereiro 20, 2005

Fique de Olho — Construção

Publicidade

CULTURA INGLESA – BANNER DE CONTEUDO

Roupa nova para a escola.

Seja na construção de um novo edifício ou na manutenção predial, é preciso escolher com cuidado a empresa responsável pela obra.

Uma escola pode ter o melhor método de ensino, professores capacitados e um ótimo atendimento para os pais. Porém, se as instalações estiverem defasadas, antigas, certamente o colégio perderá a imagem de instituição responsável e comprometida com seus alunos. “A parte física é a primeira coisa que a escola mostra aos pais”, afirma o engenheiro Roberto Boscarriol Junior, diretor da PBR Engenharia e Construções, que há oito anos vem se dedicando à obras em instituições de ensino.

O Colégio Brasília, no bairro da Vila Formosa, em São Paulo, foi a primeira obra na área escolar que a PBR realizou. A partir daí, a empresa percebeu que o setor educacional carecia de profissionalismo quando o assunto era construção. Roberto destaca que muitos colégios fazem reformas e ampliações sem o planejamento necessário. “Existem escolas tradicionais, com 50 anos ou mais de existência, bem cuidadas até. Porém, poucas são totalmente projetados para ser uma escola. Por isso, às vezes precisamos fazer um trabalho de reengenharia”, comenta.

Para as paredes internas, o engenheiro da PBR recomenda o uso de drywall (paredes de gesso).  Além da rapidez na construção, o gesso facilita no caso de ser preciso modificar os espaços internos, gerando menos mão-de-obra e menos entulho, em comparação com as pesadas e definitivas estruturas de alvenaria. A rapidez, aliás, é um dos principais requisitos ao se construir para escolas. Normalmente, as obras são feitas nas férias do final de ano, época que coincide com o período de férias coletivas de muitos fornecedores da área da construção. Para não atrasar o cronograma, a construtora deve comprar ou encomendar o material já em novembro.

Para a PBR, o trabalho em um colégio começa com a visita de um representante comercial e de um arquiteto da construtora. Os profissionais verificam as necessidades do cliente, seus objetivos e o que é possível fazer no local. Com a experiência adquirida na área, a PBR indica algumas soluções. Por exemplo, a colocação de barrados cerâmicos nas salas de aula, que aumenta o investimento inicial, mas praticamente elimina a repintura freqüente nesses espaços. Itens de segurança também não podem ser esquecidos. É o caso de cantos arredondados, corrimãos e guarda-corpos, instalação de tomadas altas e uso de vidros laminados. Criar centros de convivência é outra tendência: são áreas projetadas para a permanência dos alunos, mesmo fora do período de aulas, informa Boscarriol.

Qualidade

O engenheiro Waldyr Brenneisen, da Diedro Construtora e Incorporadora, também projeta prédios para escolas, tanto no sistema tradicional como no de pré-moldados. A empresa responde pelos projetos arquitetônico e executivo e faz a administração da obra. Mesmo que a escola não pretenda investir num novo edifício, Waldyr tem percebido a necessidade constante de ampliação. São instituições que começam oferecendo apenas o ensino fundamental, e chegam até o ensino superior, ou que precisam modificar o uso de alguns espaços (por exemplo, transformar uma sala de aula em laboratório, com necessidade de instalações diferenciadas de elétrica e hidráulica).

Também para ampliações e para manutenções prediais específicas, o proprietário da Diedro recomenda a contratação de uma empresa especializada. “Muitas escolas têm um funcionário de manutenção para pequenos serviços. Porém, para certas obras é melhor trabalhar com empresas que se preocupem, como nós, em colocar na escola mão-de-obra especializada, atendendo às especificações das normas técnicas”, orienta. Ele cita entre os serviços executados pela Diedro obras de impermeabilização, reparos de elétrica e hidráulica, substituições de pisos, renovação de quadras esportivas, pinturas, telhados e coberturas.

Waldyr frisa, ainda, a necessidade dos funcionários utilizarem Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e estarem uniformizados. “Nos preocupamos com a segurança na execução dos serviços”, diz. O engenheiro acredita que, oferecendo qualidade, ele se diferencia da concorrência. “Qualidade é o nosso foco. Tanto que recebemos em 2004 o prêmio Top Quality no segmento da construção civil”, completa.

Serviço:

Diedro Construtora e Incorporadora

11.295.0442

www.diedroci.com.br

diedroci@diedroci.com.br

PBR Engenharia e Construções

11.5033.5888

www.pbr.com.br

pbr@pbr.com.br

Continue Lendo

Assine nossa Newsletter

Veja agora este vídeo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.