Março 20, 2015

Alta qualidade do ensino médio na Austrália e Nova Zelândia é tema de palestra em feira de intercâmbio para adolescentes

Publicidade

Convex – Banner de conteudo

Cônsul Honorária do Brasil na Nova Zelândia fala sobre intercâmbio na Oceania

 A Cônsul Honorária do Brasil, em Auckland, na Nova Zelândia, Katia MacKenzie participará da  7ª edição da Feira de Intercâmbio 7 a 17 anos. A Cônsul também é diretora da Discovery Education and Travel da Nova Zelândia, uma agência criada em 2000, especializada em levar jovens brasileiros para fazer High School  (correspondente ao Ensino Médio no Brasil) na Oceania. “Esses destinos são mais populares entre as pessoas que buscam um lugar diferente, seguro e com alta qualidade de ensino”, explica Kátia. Organizado pela CI – Intercâmbio e Viagem , o evento será realizado no dia 21 de março, em São Paulo, capital. A palestra está agendada para as 17h30. 

A filial da empresa na Austrália também foi inaugurada em 2010. Desde então, mais de 300 brasileiros já foram cursar parte do Ensino Médio no país dos “cangurus”. “O diferencial das escolas da Oceania é que o estudante é avaliado individualmente. O objetivo é identificar os pontos fortes de cada um, para então direcioná-los às disciplinas mais focadas às suas áreas e perfis (seja Humanas, Exatas ou Ciências Biológicas)”, explica a diretora. Enquanto no Brasil, o aluno chega a cursar até 17 disciplinas, nas escolas da Oceania, ele cursa cerca de seis matérias, o que contribui muito para a sua formação profissional. “E, assim, sobra tempo para o lazer, artes e outras atividades cotidianas”, contemporiza. 

Kátia ainda ressalta que os pais, geralmente, ficam muito satisfeitos após o retorno dos filhos. “O que eles sempre comentam é que além do adolescente voltar mais seguro e independente, ele volta mais grato, pois passa a reconhecer tudo que a família oferece para ele. A cultura brasileira se difere de culturas, como a do anglo-saxão, que faz com que o filho saia de casa logo cedo ou, no mínimo, trabalhe um período do dia e colabore com as despesas da casa. Ao sair de casa e do Brasil, os adolescentes reconhecem o quanto a família faz por eles”, conta a diretora. 

O esporte é outro diferencial das escolas australianas e neozelandesas. Durante o High School inteiro, o estudante chega a aprender a praticar quatro modalidades esportivas diferentes, já que o esporte faz parte da grade curricular. “Em algumas escolas, o aluno tem o ensino regular, somado com a prática esportiva, que desenvolve outras habilidades. Iatismo, golf, vela, equitação são alguns exemplos”, relata a diretora. 

Na Feira, participantes e seus familiares poderão tirar dúvidas com representantes de mais de 30 instituições internacionais, assistir palestras de blogueiros, jornalistas e especialistas da área, além de ter acesso a um atendimento personalizado, que auxiliará o jovem a escolher o programa de intercâmbio mais adequado ao seu perfil. High School, Intercâmbio Teen®, Intercâmbio em Família e Viagem de Formatura são as opções de programas disponíveis para o público dessa faixa etária , além de todos os outros serviços relativos a viagens, como passagens aéreas com tarifas exclusivas para estudantes, hospedagem, seguro internacional e muito mais.

A programação completa também está disponível no site da Feira, que também vai transmitir ao vivo o evento no dia 21 de março. Acesse o site ci.com.br/feira

SERVIÇO

DIA:  dia 21 de março

LOCAL: Hotel Intercontinental – Alameda Santos, 1123 – Jardim Paulista – SP

HORÁRIO: das 10h às 19h

Sobre a CI

A CI – Intercâmbio e Viagem – foi criada em 1988, na cidade de São Paulo. Em 26 anos de história, a agência já expandiu para 21 estados brasileiros, além do Distrito Federal, com mais de 80 unidades contratadas e também já embarcou mais de meio milhão de clientes. Só em 2014, a empresa foi responsável por quase 80 mil embarques para o exterior. A CI trabalha com experiências internacionais únicas, seja para lazer, estudo ou trabalho. Cerca de 700 profissionais treinados atuam na área para desenvolver roteiros personalizados e para dar toda a orientação e suporte necessários para quem vai fazer um intercâmbio ou viajar. High School, Intercâmbio Teen, Cursos de Idiomas e Mochilão são os programas mais procurados, principalmente, entre jovens com idades entre 13 e 35 anos. O trabalho desenvolvido pela CI fez com que ela fosse eleita cinco vezes, pela Revista Viagem e Turismo, como a melhor empresa de intercâmbio do Brasil.

http://www.ci.com.br/

Assine nossa Newsletter

Veja agora este vídeo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.