setembro 22, 2015

Dica – Toldos e Coberturas

Publicidade

Convex – Banner de conteudo

Matéria publicada na edição 111 | Setembro 2015- ver na edição online

Manutenção de toldos e coberturas escolares

Por Rafael Pinheiro

Quando projetamos em nosso subconsciente o ideal escolar que ofereça uma gama pedagógica completa, assistência ao aluno, atividades extras interessantes e o compromisso em propiciar ao aluno experiências diárias, em poucos casos nos atentamos, no primeiro instante, nas dependências físicas e em sua estrutura – tanto interna como externa.

Disponibilizar equipamentos nos ambientes instituionais e adaptá-los ao padrão visual do colégio, conforto para estudantes e funcionário, materiais resistentes e produtos de qualidade são características marcantes que devem ser notadas. Nas áreas externas, os tradicionais toldos e coberturas, por exemplo, garantem uma proteção especial para os dias chuvosos, são ideais para corredores de acesso, entradas, cobertura para quadra poliesportiva, além de proporcionar uma estética diferenciada para o colégio.

“É imprescindível, para o gestor escolar, programar projetos e buscar um especialista antes de contatar qualquer empresa especializada em toldos e coberturas para os espaços escolares”, diz o arquiteto Francisco Gaspar. Alguns aspectos devem ser considerados para a melhor implantação e utilização no espaço, como os materiais escolhidos para sua confecção que devem atender às expectativas de durabilidade, as necessidades de cada ambiente e a harmonização com o estilo arquitetônico ao qual será implantado.

Segundo Francisco, é possível encontrar no mercado diversas opções para coberturas e fechamentos dos espaços escolares e, assim, diversos materiais. “A escolha do material depende da área que pretende cobrir. Dentre as opções do mercado, lonas (acrílicas, sintéticas ou vinílicas), alumínio, policarbonato e o toldo retrátil são os mais procurados”, destaca.

Manutenção, limpeza, reparos ou trocas de peças são fatores relevantes e devem ser observados periodicamente, com o intuito de conservar e prolongar a vida útil dos toldos ou coberturas instalados. “Com a atual crise hídrica, estabelecer limpezas mais prolongadas como a cada quatro meses ou quando houver, de fato, a necessidade na lavagem do toldo, garante uma preocupação sustentável tanto para o planeta como para as próprias ações sustentáveis do colégio”, ressalta Francisco.

E lembre-se: para toldos e coberturas com dimensões maiores, é recomendável contratar empresas especializadas em limpeza e manutenção de toldos, garantindo, assim, a saúde e segurança de todos.

Assine nossa Newsletter

Veja agora este vídeo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.