fevereiro 21, 2017

Dica – Projetores Recurso Audiovisual

Publicidade

CULTURA INGLESA – BANNER DE CONTEUDO

Por Rafael Pinheiro

Na atual sociedade da informação, o ritmo efêmero das mudanças e suas respectivas propostas de melhorias, ganham uma potência inestimável. A crescente utilização de aparatos tecnológicos, os aplicativos acessíveis em aparelhos celulares, o aumento de tablets e as facilidades que emergem diariamente, transformam o cotidiano de forma dinâmica.

Pousando a reflexão em relação a educação, há uma preocupação frequente nas tecnologias educacionais, nos serviços especializados deste mercado e na aproximação de estudos e casos que diagnosticam a convergência entre o ensino tradicional e o tecnológico. Avançando, assim, em pesquisas que demonstram a relevância e necessidade de escolas apropriadas para os alunos do século XXI.

“Estamos em um mundo cada vez mais visual, aquele ditado ‘uma imagem vale mais que mil palavras’ nunca foi tão atual. Os recursos audiovisuais em sala de aula são de extrema importância para uma demonstração mais clara e objetiva dos conteúdos ensinados. Esses recursos aumentam a retenção e a compreensão do que foi aprendido”, destaca Frank Azulay, empreendedor da área de tecnologia educacional.

De acordo com o empreendedor, estas ferramentas tendem a melhorar o processo de ensino-aprendizagem justamente pela capacidade de empoderar o professor, dando a ele a capacidade de tirar o aluno do imaginário quando uma explicação é dada. Nosso cérebro processa uma imagem milhares de vezes mais rápido do que um texto e essa combinação multiplica ainda mais o potencial desse processamento.

Assim, a utilização de recursos audiovisuais auxilia (e muito) no processo de aprendizagem. E, dentro desses recursos, é interessante explorar todas as funcionalidades, principalmente para a preparação das aulas. Para Frank, qualquer aula necessita de uma boa preparação, e nada impede que uma boa aula contemple a combinação de todos esses recursos, inclusive o famoso LGS:  lousa, giz e saliva. “O professor é o protagonista e, com criatividade e talento, deve saber escolher as ferramentas para auxiliá-lo na transmissão do conhecimento da forma mais eficaz possível para seus alunos”.

Para garantir essa relação positiva, é de extrema importância que o professor avalie seu método de ensino e realize capacitações, com o intuito de melhoria e utilização completa dessas ferramentas em sala de aula. “Este é um dos pontos mais importantes para o sucesso de qualquer metodologia ou ferramenta. Quanto mais preparado o educador estiver, melhores serão os resultados. Quanto mais treinamento, mais possibilidades de uso se criam”, ressalta.

É importante destacar que os recursos tecnológicos devem servir de apoio à aprendizagem que acontece nas aulas presenciais, e não apenas para transmitir as mesmas informações que antes o professor colocava no quadro negro. A base de comunicação entre o professor e o aluno deve estabelecer através de discussões, diálogo, resolução de questionamentos e produção de textos. (RP)

Continue Lendo

Assine nossa Newsletter

Veja agora este vídeo

Comentários encerrados.