Março 29, 2017

GEduc 2017: 15ª edição do evento reúne especialistas em São Paulo

Publicidade

Convex – Banner de conteudo

Historiador Leandro Karnal e professora de Harvard e diretora da FGV-Rio, Claudia Costin, estão entre os palestrantes da edição comemorativa do Congresso Brasileiro de Gestão Educacional
Inspirar mudanças, oferecer insights para soluções e transformar a gestão da educação. Essas e outras provocações farão parte do XV Congresso Brasileiro de Gestão Educacional (GEduc), que acontece entre os dias 29 e 31 de março, no hotel Maksoud Plaza, em São Paulo. Ao longo de 15 anos, o evento promoveu importantes palestras, cases e debates que hoje fazem parte de um acervo de histórias e conquistas. Somados, 6 mil congressistas, entre executivos brasileiros e estrangeiros, tiveram a oportunidade de absorver conhecimentos de mais de 600 conferencistas.

Em 2017, o GEduc espera surpreender os 500 visitantes da edição comemorativa com convidados e temas especiais ligados às áreas de Educação. Entre os principais assuntos abordados nos cronogramas e debates, estão: o papel da escola do século XXI; as novas configurações familiares e a relação entre a qualidade do ensino e a diminuição de custos. “Nosso principal desafio é transportar conteúdos relevantes do segmento corporativo para o acadêmico, apresentando caminhos para a profissionalização da gestão”, explica Sonia Simões Colombo, diretora da Humus, empresa organizadora do evento.

No primeiro dia, o historiador brasileiro Leandro Karnal ministra a palestra magna “Transformando a gestão: estratégias para um novo tempo”. Autor e co-autor de mais de 10 livros e professor-doutor da Universidade de Campinas (Unicamp), Karnal é um dos nomes mais respeitados nas discussões sobre a sociedade contemporânea, história e dilemas humanos. Na mesma data, Claudia Costin, professora visitante da Faculdade de Educação de Harvard e diretora Geral do Centro de Excelência e Inovação em Políticas Educacionais da FGV-RJ, debate com os participantes do Congresso o futuro da educação, os principais desafios e mudanças do setor.

O evento vai discutir, ainda, temas como segurança de dados, riscos e consequências institucionais de ameaças no ambiente virtual; desafios na gestão de pessoas, com olhar estratégico nas práticas da área de Recursos Humanos; inovação acadêmica; práticas bem sucedidas em gestão com cases vencedores do Prêmio Nacional de Gestão Educacional (PNGE 2017); o novo contexto da comunicação e do marketing na atração de novos clientes; e estratégias para fortalecer relação entre alunos e instituições. Paralelamente às palestras e debates, acontecerá a XV Exposição de Produtos e Serviços Educacionais, na qual empresas especializadas apresentarão soluções para escolas e instituições de ensino superior.

I Fórum de Governança Corporativa em Educação

Uma das novidades da edição comemorativa do Congresso é o I Fórum de Governança Corporativa em Educação. Em dois painéis, especialistas discutirão como implementar a governança corporativa nas instituições educacionais e as boas práticas da governança corporativa.

Herbert Steinberg, sócio-fundador da Mesa Corporate Governance, consultoria especializada em governança corporativa em empresas familiares, é um dos painelistas. Com mais de 30 anos de expertise em grandes corporações, Steinberg é consultor de desenvolvimento humano, conselheiro profissional independente e sparing de fundadores, sócios controladores, presidentes, executivos e membros de conselhos de administração. Por ser membro do IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa), do ICGN (Internacional Corporate Governance Network) e do FBN (Family Business Network), o executivo vai compartilhar com os congressistas sua visão estratégica sobre a governança corporativa na educação.

Continue Lendo

Assine nossa Newsletter

Veja agora este vídeo

Comentários encerrados.