novembro 1, 2017

O lugar da Política é a escola

Publicidade

CULTURA INGLESA – BANNER DE CONTEUDO

E veio o impeachment e as salas de aula ferveram novamente e o aprendizado se aprimorou. O passado da Brasil, do mundo, como mapa de referencia; os olhares para a Economia, a sociedade, a cultura, a Constituição, febris em busca de orientação. O futuro era a urgência do momento. O que fazer? Como esse professor pode me ajudar? E a profissão que escolhi para mim dava-me grandeza e exigia sobriedade e envolvimento. E como foi empolgante e recompensador!

E assim foram os anos de FHC, Lula e Dilma. E assim é até hoje. A escola como o lugar da Política, a escola como espaço público e como formação para os demais espaços públicos. A escola como lugar de aprendizado, a escola como lugar de troca. A discussão democrática, o debate respeitoso, o ardor e a frustração como partes do processo da construção do consenso que é a única saída, a última saída.

Sem a escola, a Política não avança. Sem a Política, a escola perde parte importante de sua função.

Só as sereias com seus cantos autoritários dizem o contrário, atraindo os incautos para as rochas . E só a escola e suas aulas de História são capazes de ensinar o que são, realmente, as sereias.

*Por Daniel Medeiros é doutor em Educação Histórica pela UFPR e professor de História no Curso Positivo.

Continue Lendo

Assine nossa Newsletter

Veja agora este vídeo

Comentários encerrados.