fbpx
Guia para Gestores de Escolas

Buscar o intangível

Matéria publicada na edição 109 | Junho-Julho 2015- ver na edição online

Intangível é uma palavra linda. Sonora e transparente faz lembrar água da fonte, nuvens se escondendo do Sol ao amanhecer. Mas, se é lindo o advérbio, ainda maior é seu significado. A palavra expressa o inalcançável, o ponto mais alto além do qual é impossível sonhar. Ao acordar de madrugada e inventar razões para existir busco exemplos para a pa- lavra tão bela que, sem mais nem me- nos, chega até meus pensamentos. Percebo, dessa forma, que intangível e todo professor que, mesmo tendo alcançado em sua carreira ponto de admiração e respeito, jamais se cansa de mais buscar, querer ainda mais aprender. Sabe que seus colegas e seus alunos o apreciam e percebem além da pessoa o grande profissional, reconhece que admirado não enfrenta o receio da dispensa e o azedume da crítica, mas ainda sim insatisfeito quer ser maior no ensino, mais aprender sobre conceitos, aprimorar a dura arte de avaliar. Com tão longa trajetória, ignora se será breve o instante de parar, sabe, entretanto que os anos que ainda restam será por certo para melhor aprender, ainda mais crescer.

Intangível é o gestor escolar que fez das escolas por onde passa um eficiente modelo de qualidade. Abrangente e decidido jamais limita sua insistência pela perfeição dentro de cada sala de aula, em nome de qualquer papel que passa pela Secretaria. Delega com entusiasmo e crença verdadeira e acredita nos subordinados e ao se fazer onisciente e onipresente busca apenas sua ajuda na divisão do peso a suportar. Fez-se educador de alunos e de pais, de funcionários e de professores e seu cotidiano o transfigura de servente em segurança, de mestre em amigo, percorrendo cada canto, sorrindo a cada acerto.

Pródigo em apreciar e aplaudir é eterno insatisfeito no desafio de mais aprender. Busca o intangível todo aluno que não se concebe senão da missão de sem- pre aprender. Arranca de cada aula lições de vida, descobre em todos os professores facetas de modelo com que esculpe seus caminhos, constrói sua esperança. Amigo de seus colegas, os aceita em seus limites, descobre-se em suas diversidades. Sabe que passarão pela escola sem que o aprendizado jamais termine e a curiosidade nunca se sacia. A infinita dimensão do intangível reside exatamente em ser o mesmo inalcançável, mas ambiciosamente perseguido. Diferente do distante que se teme ou se desiste, o intangível é sonho que jamais se materializa, mas nem por isso deixa de ser o sonho que mais se busca, a procura que nunca cansa de procurar. Para buscar realmente o intangível não basta ser conscientemente ótimo, mas sempre almejar nada menos que a perfeição.

Receba nossas matérias no seu e-mail


Relacionados