fbpx
Guia para Gestores de Escolas

Colégio Carbonell faz a diferença e arruma saídas para a crise hídrica

05 de junho Dia do Meio Ambiente

Reutilização de águas pluviais é uma ótima saída para conscientização de alunos e familiarea

 Em homenagem do dia do Meio Ambiente, nada melhor do que utilizar saídas ecológicas para os problemas ambientais do dia a dia.

O Colégio Carbonell por exemplo, sempre se preocupou com a economia de água e a prática ecológica.

Por isso, desde 2012 faz o reaproveitamento das águas pluviais. Com essa grave crise hídrica que ocorre em várias regiões do país, o Carbonell dribla a falta de água com uma excelente saída, dentro de suas próprias dependências.

O sistema possibilita a reutilização de águas das chuvas em descargas sanitárias e na irrigação do jardim sensorial do colégio. O procedimento consiste em armazenar a água através de um sistema de captação, utilizando calhas nos telhados, em seguida, a água é levada a um reservatório superior e depois desce, por gravidade, para ser utilizada nas descargas sanitárias.

Além disso, o sistema também filtra as águas reutilizáveis que são utilizadas na limpeza geral da escola.

 

De acordo com o Biólogo e Prof. Célio Almeida “aproximadamente 22% da água doce são disponíveis para o ser humano. Ela é um recurso natural renovável, porém limitado.Só pode ser renovada com o processo do ciclo da água, no qual represas, lagos, mares e rios tem sua água evaporada, forma nuvens e retorna às fontes de água como precipitação. No entanto, quanto maior for o consumo de água pelas atividades humanas, a diminuição desse bem precioso será reduzida causando sérios danos ao meio ambiente.Ações como as do Carbonell são fundamentais, inclusive no dia a dia de todos”.

 

Além disso, o Carbonell tem um Bosque com: ervas aromáticas, didaticamente identificadas (Brilhantina, Iris, Germânicas, Moreia, Agapanthus, Fênix e etc.). A lavanda, por exemplo, deixa seu perfume nas mãos de quem acaricia a planta. Bancos estão espalhados pelos jardins e um lindo pergolado faz sombra para as crianças ficarem sentadas em momentos de leitura no Bosque.

 

Outro diferencial é o jardim sensorial, que explora os cinco sentidos das crianças:

  • Audição: cascata, sino dos ventos e canto dos pássaros;
  • Olfato: perfume das flores e folhas;
  • Paladar: flores comestíveis (capuchinho, frutíferas, hortelã e alecrim);
  • Tato: textura das plantas, seixos do rio, aramitos, pedriscos e cascas de árvore.

 

 “Como Educadores, devemos contribuir para formação de uma geração consciente. Vivemos em um mundo onde é preciso “cuidar” do meio ambiente e fazer com que a criança participe ativamente deste “cuidar”, plantando a semente da conscientização, a criança de hoje, percebe-se parte deste ambiente, zelando-o, para a preservação de seu futuro.” Comenta Juliana Parisi, professora do Infantil II.

 

Você faz parte do Meio Ambiente e ele faz parte de você! O Colégio Carbonell está fazendo sua parte e você?

Receba nossas matérias no seu e-mail


Relacionados