Guia para Gestores de Escolas

FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Investir na formação de educadores é a principal marca do Colégio Santa Maria, que reúne todo o corpo docente em encontros semanais e outros mensais, durante o ano inteiro. As chamadas reuniões pedagógicas são incorporadas à carga horária dos professores. Todos os segmentos participam desse processo, desde a Educação Infantil até o Ensino Médio. Professores de Educação Infantil e Ensino Fundamental I se encontram às segundas-feiras, e do Ensino Fundamental II e Ensino Médio, às quartas.

Além do caráter pedagógico, as reuniões têm um olhar para o desenvolvimento do aluno como um todo, além da atualização conceitual dos componentes curriculares, sempre focada no aprimoramento das competências e habilidades que os tempos atuais requerem. Ao longo do ano, direção e orientação educacional planejam as pautas gerais dos encontros, distribuindo-se entre reuniões de nível (estudos e/ou oficinas sobre temas diversos dos segmentos); reuniões de série (planejamento dos trabalhos e projetos de cada série); reuniões de áreas de conhecimento ou componentes curriculares (discussões sobre os projetos dos componentes para o nível e alinhamento dos cursos quanto ao conteúdo, habilidades, abordagens e escolhas metodológicas).

Base Nacional Curricular Comum, Concepção de Educação e Formação Política do Professor foram os temas definidos este ano para serem trabalhados nas reuniões de formação. Para cada encontro de estudos, o corpo docente se prepara por meio da leitura de textos, livros e documentários nacionais de Educação, previamente selecionados pela orientação educacional.

“A ideia é que os professores, na formação, tenham possibilidade de ampliar o seu repertório, tanto teórico quanto metodológico e reflexivo da sua prática”, explica a orientadora pedagógica do 8º ano do Ensino Fundamental II, Maria Cristina Forti.

“Os professores precisam estar instrumentalizados e qualificados para o papel que desempenham no Colégio. Eles sempre se preparam para ter uma reunião qualitativa”, afirma a diretora da Educação Infantil e Ensino Fundamental, Anne Hoe, que traz para as reuniões pedagógicas uma importante contribuição. Ela própria e Diane Clay Cundiff, diretora geral do Santa Maria, fazem cursos periódicos no Instituto de Educação de Harvard, em Boston (EUA), um celeiro de pesquisas relacionadas aos avanços da tecnologia e da Neurociência.

Para a educadora, é fundamental o olhar para o desenvolvimento da Educação, na perspectiva da interdisciplinaridade, uma vez que já não se pode pensar nos componentes curriculares separadamente. “O professor de hoje tem mais consciência de que ele não é detentor do conhecimento, pois só quem aprende pode ensinar, e este profissional está em constante aprendizado. O educador precisa ser, ao mesmo tempo, competente e humano”, completa Anne Hoe.

A instituição dispõe ainda de uma escola para educadores, o Prisma – Centro de Estudos do Colégio Santa Maria, que oferece uma vasta programação semestral de aulas, eventos, oficinas e workshops para professores de Educação Infantil até o Ensino Fundamental II. São cursos abertos à comunidade de educadores e que contam com forte adesão dos profissionais do Santa Maria.

Receba nossas matérias no seu e-mail


Relacionados
× Fale conosco!