fbpx
Guia para Gestores de Escolas

O caminho está na PALAVRA

A escola desempenha um papel fundamental na construção do indivíduo. Nela, não aprendemos apenas a decodificar os códigos linguísticos, somar ou subtrair. Não frequentamos a escola em todos os áureos anos de nossas vidas somente para aprendermos os elementos da tabela periódica ou a história política do nosso país.

Nela, trocamos experiências, dividimos do lanche aos segredos mais inusitados, compartilhamos aprendizados e aprendemos a ponderar, a tornarmos empáticos e nos prepararmos verdadeiramente rumo ao sucesso.

Na escola, poetizamos nossos sentimentos, dramatizamos nossas aflições e esbanjamos coragem.

Aprendemos a nos defender e a usar a PALAVRA a nosso favor.

A escola, de fato, é a melhor época de nossas vidas e “um homem se torna dono do seu destino quando tem o domínio dela, da PALAVRA.”

Mas, dominar estas 7 letrinhas vai muito além de ler e escrever.

E, para isso, contamos com a literatura para inspirar nossas crianças e nossos jovens a viajar pelas aventuras, a desbravar novos estilos, a reconhecer formas e identificar perfis, separar o bem do mal, o bom do ruim, o certo do errado. A sonhar e acreditar que seu sonho também será realizado.

Conhecemos personalidades marcantes, inspiradoras, e seus estilos de ver o mundo por meio da PALAVRA.

O desenvolvimento da habilidade de leitura e interpretação tem sido um desafio para muitas escolas, mas acredito que um gestor com visão de futuro, possa usar esta demanda como um grande diferencial de mercado.

Uma escola engajada em Projetos Literários contribui para a formação de um ser pensante, capaz de solucionar problemas para si e para a sociedade que está inserido, autônomo e seguro de expressar seus sentimos, e se comunicar com o mundo lá fora.

Mas, se você responder sim para apenas uma das perguntas abaixo, precisa urgentemente rever seu projeto e se enquadrar nas necessidades de uma literatura fluida, que tenha o aluno como protagonista, referencial em processos leitores e, consequentemente, um diferencial para sua escola.

– Coloca o nome dos livros que serão lidos na lista de material, mesmo sem saber o que vai acontecer no mundo?

– Usa os mesmos títulos ano após ano porque seu projeto “deu certo”?

– Você espera a visita das editoras para fechar suas indicações?

– Você não pode mudar o título escolhido mesmo surgindo novas oportunidade que se encaixam em seu projeto porque já enviou a lista para as famílias?

– Você já escolheu um livro que deixou de ser publicado e os pais ficaram enlouquecidos?

Bem, tenho uma má, uma boa e uma ótima notícia!

A má é que terá muitos desafios pela frente: capacitar educadores, envolver as famílias, encantar os leitores de todas as idades e iniciar um processo de leitura transformador.

A boa? É que eu posso te ajudar, e você verá que a PALAVRA pode – e deve – ser o CAMINHO para a mudança.

Esta transformação terá um longo caminho, mas você pode decidir ser apenas uma LETRA ou o INSTRUMENTO desta mudança.

Quer uma ótima notícia? Te garanto que dá certo!

Use a LITERATURA sem moderação.

Receba nossas matérias no seu e-mail


Relacionados
× Fale conosco!