Guia para Gestores de Escolas

Plataforma oferece conteúdos gratuitos alinhados à BNCC para professores

Foto Divulgação

Com o propósito de levar educação gratuita e de qualidade para qualquer pessoa e em qualquer lugar, a organização sem fins lucrativos Khan Academy começa o ano trazendo novidades para valorizar a educação por meio de seus conteúdos e ferramentas tecnológicas. Com as disciplinas de Matemática e Ciências alinhadas à nova Base Nacional Comum Curricular, a Khan também lança o curso de Língua Portuguesa.

Para o período de volta às aulas em 2020 o curso de Língua Portuguesa, contará com vídeos e exercícios que ajudam a desenvolver habilidades de leitura e ampliar o domínio da língua. “O curso foi desenvolvido sob a luz da BNCC e os professores podem acompanhar o avanço de seus alunos dentro e fora da sala de aula”, destaca o gerente de marketing, Paulo Bellé. O objetivo da Khan Academy com estes cursos é ser um suporte ao professor em sala de aula junto aos objetos de conhecimento da Base, que é obrigatória no país desde o início deste ano.

Os professores podem encontrar todos esses conteúdos por meio do recém-lançado site (https://pt.khanacademy.org/brasil) gratuitamente. Além das informações da BNCC, os educadores têm acesso a todas os principais recursos da plataforma voltados aos professores brasileiros.

Capacitação para os professores 

Oferecido de forma totalmente gratuita, o curso básico online Khapacitar, que ensina os educadores a utilizarem a plataforma Khan Academy, já está disponível e deve permanecer até 08 de março. Com duração estimada de 60 minutos, o curso disponibiliza vídeos que mostram os benefícios do uso de recursos tecnológicos nas escolas, além dos depoimentos de profissionais que já usam a Khan em sua rotina, evidenciando suas práticas de sucesso. 

Ao final do curso, os educadores terão um momento para realizar um exercício de reflexão e planejamento. Os docentes que finalizarem a formação ganham um certificado de conclusão e concorrem a um notebook como prêmio.

 Parceira da Fundação Lemann no Brasil, a plataforma possui mais de 3,8 milhões de usuários, entre alunos, pais e professores, além de contar com um projeto de parcerias com Secretarias de Educação. De acordo com Paulo, o aprendizado dos educadores tem de ser estimulado, “esses profissionais são agentes de transformação na educação nacional, portanto, a Khan sempre investirá nessas ações”, enfatiza.

Para realizar o curso, basta acessar o site da organização (https://pt.khanacademy.org/brasil) entre os dias 03/02 e 08/03 e clicar no banner na página principal do professor.

Receba nossas matérias no seu e-mail


Relacionados
× Fale conosco!