Guia para Gestores de Escolas

Projeto Defenda-se: Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes

Os educandos do Ensino Médio do Centro Educacional Marista São José participaram do Projeto Defenda-se – Enfrentamento da Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes.  A ideia surgiu a partir da iniciativa da Rede Marista de Solidariedade com a campanha “Defenda-se”, um alerta para as crianças sobre a violência sexual infantil e juvenil, mais especificamente no período da Copa do Mundo sediada no Brasil. A Campanha da Fraternidade deste ano – Fraternidade e Tráfico Humano – também foi pano de fundo para o desenvolvimento do projeto. Como o tema é abrangente foi delimitado o assunto sobre violência sexual infantil.

O objetivo do projeto foi discutir e refletir com os educandos do Ensino Médio sobre a temática da violência e exploração sexual contra crianças e adolescentes em nível de País, município e bairro. Nesse intuito os educandos foram estimulados a criar estratégias para contribuir na orientação dos educandos do Fundamental I e Fundamental II, bem como levar as informações para a comunidade e outras crianças que não frequentam o Centro Educacional Marista São José.

Os resultados das ações foram surpreendentes! Os educandos criaram poesias, músicas, teatros de fantoche, teatro dramatizado, cartazes, folders, pintura de muro e vídeos. Algumas produções foram apresentadas no “Show de Talentos” que aconteceu no dia 25 de setembro no Colégio, no dia da entrega dos boletins alguns educandos entregaram panfletos da campanha, criado por eles, para os pais e responsáveis. Próximo passo será sair na comunidade para colar os cartazes que eles elaboraram, como forma de orientar e alertar outras crianças e apresentar as atividades para os educandos do Fundamental I e Fundamental II.

O maior resultado de todos foi perceber que os próprios educandos se identificaram com a temática relatando casos conhecidos ou vivenciados e colocaram seus sentimentos de repudio sobre a violência contra crianças, bem como se sentiram mais fortes em perceber que através do Dique 100 ou do Conselho Tutelar podem pedir ajuda.

O projeto foi desenvolvido pela professora substituta do Ensino Médio Éden Silvana com parceria da professora de língua portuguesa Maria Scottini, do Assistente Pedagógico de Tecnologia Educacional e Educomunicação Daniel Binda e do educador de Pastoral João Sartori.

Link dos vídeos produzido pelos educandos:

https://www.youtube.com/playlist?list=PLhqm94UVTA5x5nrKe2beLdx8TxlKDc3Ir

Receba nossas matérias no seu e-mail

Relacionados
Fale conosco!