Guia para Gestores de Escolas

Como liderar uma escola nos dias atuais – Repertório Prático

Nesta etapa, as ações do gestor no processo de mudanças só acontecerão através do procedimento prático, como mostra o quadro a seguir:


Regras de Ouro

Visibilidade Implica na presença física
Planeje sua ação Tome a iniciativa de procurar a pessoa
Receptividade Tenha uma comunicação aberta e clara
Elogios Faça elogios específicos para o trabalho realizado
Relação pessoal Deixe claro que os comentários são relativos ao trabalho
Exemplos Comente situações motivadoras ao grupo
Diálogo Comunicação aberta
Assuntos Concentrar no mais importante e sintetizar
Atitudes Fale com clareza
Ideias Colocar em prática com moderação

Escolas são organismos vivos, onde cada uma das partes é essencial para o bom desempenho do conjunto. Existem escolas em que os funcionários não têm clareza a respeito da finalidade do seu trabalho, nem estão conscientes das diferentes formas de atuação: transformar em cidadãos e seres humanos melhores cada uma das crianças e jovens sob seus cuidados. Escolas que não têm um sonho, um ideal de excelência a atingir, acabam estagnadas, e a equipe gestora tem um papel essencial , que é a construção do sonho coletivo.
O sonho coletivo precisa partir do que a equipe deseja que a escola seja no futuro. Três iniciativas precisam ser tomadas:

1. Visão: Ao projetar o seu futuro, a escola dará um passo significativo para mudar a sua cultura – conjunto de crenças, valores e comportamentos que norteiamas ações de seus membros;

2. Missão: Os objetivos e metas precisam ser expressos de forma sintética para que sejam comunicados direta e rapidamente a todos os interessados;

3. Mote: Ao divulgar o propósito da missão da escola junto à comunidade, às famílias e aos alunos, através de um “slogan”, concretizará a essência da escola.

A prospecção só acontecerá com a retrospecção. Um simples meio de refletir e impulsionar as pessoas a pensarem sobre o futuro é analisar quatro “quês”.

img195

Educar é a função primordial da escola e o feedback é o alimento que faz o profissional crescer. Há aspectos profissionais que são conhecidos por nós e pelos outros, mas há aspectos que todo mundo conhece, mas não enxergamos. É o nosso ponto cego. A condição básica de um feedback é ser desejado, os educadores precisam confiar uns nos outros, compreendendo que poderão aprender mais sobre a sua forma de atuar e aperfeiçoá-la.

Conquistada a adesão, a equipe deve constituir pré-requisitos para a observação de uma sala de aula, e ter em mente um padrão de qualidade que permita fazer um julgamento de valor. (Por Márcia Regina do Carmo Claro Oliveira)

Procedimentos para um feedback adequado

img196

(Por Márcia Regina do Carmo Claro Oliveira)

 
marcia
Graduada em Pedagogia e Letras, possui MBA em Gestão Escolar pela Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo. É mantenedora e diretora do Colégio Ômega, de Ensino Infantil, Fundamental e Médio, localizado em Santos e no Guarujá (Baixada Santista, São Paulo).

Para mais informações:
www.colegioomega.com.br
[email protected]

Receba nossas matérias no seu e-mail


Relacionados
× Fale conosco!