Guia para Gestores de Escolas

Projetos científicos de alunos das Etecs são premiados na 15ª edição da Febrace

Depois de três dias apresentando seus trabalhos na Feira Brasileira de Ciências e Engenharia (Febrace), alunos das Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) encerraram sua participação com muitos prêmios. Foram distribuídas 26 condecorações, que incluem troféus, medalhas, credenciais para feiras internacionais, entre outros, para nove projetos do Centro Paula Souza. Mais de 300 trabalhos foram expostos no evento.

Entre as categorias principais da feira, os representantes das Etecs obtiveram um primeiro lugar, com a pesquisa Resina lignofenólica com uso de rejeito industrial, das ex-alunas de Química Luma Caroline da Silva e Nathália Leite Ferraz, com orientação do professor Cesar Tatari, da Etec de Suzano. Eles também venceram, no ano passado, a Feira Tecnológica do Centro Paula Souza (Feteps). “Com essa conquista subimos um patamar. Desde a Feteps conseguimos evoluir com o projeto e estamos recebendo consultoria do Sebrae para conseguir a patente. Também provamos que dá para viver fazendo o que amamos, do nosso amor pela Química”, celebram as jovens.

Além de liderar a categoria Ciências Exatas e da Terra, recebendo um troféu, o grupo conquistou uma credencial para se apresentar na Expo-Science International (ESI), em Fortaleza, em agosto.

Ainda nas categorias principais, as Etecs levaram dois segundos lugares, com a Prótese Mioelétrica de Baixo Custo, de Geovany Candido e Luan Soares de Freitas, da Etec Bento Quirino, de Campinas, e Avaliação do detergente mais eficiente para descelularização pancreática visando a criação de um pâncreas bioartificial para o tratamento do diabetes tipo 1, de Gabriel Ronatty Tavares Santos, da Etec Guaracy Silveira, da Capital. Os dois trabalhos receberam o apoio de orientadores do Instituto Federal de São Paulo (IFSP).

 

Votação popular

Ficaram em terceiro lugar os projetos Aproveitamento de resíduos celulósicos, como auxiliar de tratamento de efluentes contendo cromo hexavalente, da Etec Trajano Camargo, de Limeira; Stac-ibr: Solução para o tratamento de água nas cisternas instaladas no Brasil, da Etec Bento Quirino, de Campinas; e Liga da Ciência: Utilização de desenhos e brinquedos para a introdução do método científico no ambiente escolar, da Etec Monte Mor, que também levou o primeiro lugar na votação popular.

“Esse reconhecimento é muito legal, pois mostra que as pessoas se interessaram por nosso trabalho e que temos uma Etec muito unida. Agora, queremos fazer uma nova versão desse projeto, criando outros materiais didáticos para ajudar alunos e professores”, diz a estudante Emanuelle dos Santos Silva, uma das autoras do trabalho de Monte Mor.

O Centro Paula Souza conquistou dois quartos lugares, com os projetos Vitae – Carteira de vacinação digital, da Etec Polivalente de Americana, e Produção de papel a partir de plantas não lenhosas, da Etec Raposo Tavares, da Capital.

Além dos prêmios das categorias principais, a Febrace concede outros que levam o nome de instituições, pessoas ou projetos parceiros. Dois alunos receberam o prêmio Centro Paula Souza: um estudante de Mato Grosso do Sul e outro do Rio Grande do Sul, como reconhecimento pelos trabalhos científicos desenvolvidos.

Veja a lista completa dos projetos e alunos premiados:  

Resina lignofenólica com uso de rejeito industrial
Nathalia Leite Ferraz, Luma Caroline Santos da Silva, César Tatari (Orientador) – Etec de Suzano, Suzano

1º Lugar – Categoria Ciências Exatas e da Terra

Prêmio Destaque do Ano Ciências Moleculares – Mérito Acadêmico

Prêmio Marília Chaves Peixoto

Prêmio Milset Expo-Science

 

Prótese mioelétrica de baixo custo
Geovany Candido, Luan Soares de Freitas, Edson Anício Duarte (Orientador), Antonio Carlos da Silva – Etec Bento Quirino, Campinas

2º Lugar – Categoria Engenharia

Prêmio Edusp

Prêmio Incentivo à Inovação Tecnológica – MostraTec

 

Avaliação do detergente mais eficiente para descelularização pancreática visando a criação de um pâncreas bioartificial para o tratamento do diabetes tipo 1
Gabriel Ronatty Tavares Santos, Mari Cleide Sogayar (Orientador), Marluce da Cunha Mantovani (Coorientador) – Etec Guaracy Silveira, Capital

2º Lugar na Categoria Ciências da Saúde

Prêmio Abritec

Prêmio InfoMatrix Brasil

Prêmio Intel ISEF – credencial para feira nos Estados Unidos

 

STAC-IBR: Solução para o tratamento de água nas cisternas instaladas no Brasil
Gabriel Gertrudes Trindade, Beatriz Ruscetto da Silva, Matheus Henrique Cezar da Silva, João Alexandre Bortoloti (Orientador) , Edson Anício Duarte (Coorientador) – Etec Bento Quirino, Campinas

3º lugar na Categoria Engenharia

3º lugar Votação Popular

Prêmio Defesa Civil do Estado de São Paulo

Prêmio Feira de Ciências do Semiárido Potiguar

 

Liga da ciência: utilização de desenhos e brinquedos para a introdução do método científico no ambiente escolar
Emanuelle dos Santos Silva, Lívia Nilson Parada, Carolina dos Santos Vieira, Roney Staianov Caum (Orientador) – Etec Monte Mor, Monte Mor

3º lugar Categoria Ciências Sociais Aplicadas

1º lugar Votação Popular

Prêmio MTEP – Mostra Técnica de Projetos

 

Aplicação de resíduos celulósicos, como auxiliar de tratamento de efluentes contendo cromo hexavalente
Pamela Carvalho Padovani, Lissandra Severo Alves, Rafaela de Moraes Santos, Sérgio Delbianco Filho (Orientador), Gislaine Aparecida Barana Delbianco (Coorientador) – Etec Trajano Camargo, Limeira

3º lugar Categoria Ciências Exatas e da Terra

Prêmio Marília Chaves Peixoto

Prêmio Femic

 

Produção de papel a partir de plantas não lenhosas
Lygia Graboschii Whittaker Franco, Renata Pinho da Silva (Orientador) – Etec Raposo Tavares, Capital

4º Lugar Categoria Ciências Exatas e da Terra

 

Vitae – Carteira de vacinação digital
Gustavo Baculi Benato, Raíssa Versolatto Faccioli, Gislaine Fernanda Giubbina Araujo (Orientador), Oscar da Costa Meira Junior (Coorientador) – Etec  Polivalente de Americana, Americana, SP

4º Lugar Categoria Ciências Exatas e da Terra

Prêmio Intel Excellence

 

Cimento ósseo a partir da reciclagem de resíduos das indústrias coureira e pesqueira
Sabrina Aparecida Miranda, Verônica Marques, Joana D’Arc Félix de Sousa (Orientador) – Etec Prof. Carmelino Corrêa Júnior, Franca

Prêmio da Sociedade Brasileira de Bioquímica

Prêmio Revista InCiência

 

Foto: Divulgação

Alunas da Etec Suzano (à direita) conquistaram primeiro lugar

 

Sobre o Centro Paula Souza – Autarquia do Governo do Estado de São Paulo vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, o Centro Paula Souza administra as Faculdades de Tecnologia (Fatecs) e as Escolas Técnicas (Etecs) estaduais, além das classes descentralizadas – unidades que funcionam com um ou mais cursos técnicos, sob a supervisão de uma Etec –, em mais de 300 municípios paulistas. Nas Etecs, o número de matriculados nos Ensinos Médio, Técnico integrado ao Médio e no Ensino Técnico, para os setores Industrial, Agropecuário e de Serviços, ultrapassa 208 mil estudantes. As Fatecs atendem cerca de 80 mil alunos nos cursos de graduação tecnológica.

Receba nossas matérias no seu e-mail


Relacionados
× Fale conosco!